Negócios

Desafios da era digital: 6 principais obstáculos enfrentados pelas empresas

Por: Mutant, maio 7, 2019

Sabe o que as grandes marcas como Netflix, Amazon e Apple têm em comum? São totalmente digitais. Acontece que não conquistaram a liderança de uma hora pra outra. Afinal, assim como todos os mortais, elas também tiveram que enfrentar os desafios da era digital.

Seja pra agilizar processos, reduzir custos, otimizar o atendimento ou fortalecer o relacionamento com o cliente, os benefícios superam os riscos. Só que é preciso implantar as ferramentas certas, independentemente do porte da empresa.

Neste artigo, vamos falar sobre a dificuldade de se adaptar, os principais desafios enfrentados pra implantar a transformação digital e como driblar esses obstáculos. Portanto, leia na íntegra pra melhorar os seus resultados financeiros e operacionais!

Muitas empresas têm dificuldade de se adaptar às mudanças. Por quê?

Normalmente, é uma questão cultural. Há quem prefira “não mexer em time que está ganhando” — mesmo que os números digam o contrário. Outros cultivam metodologias tradicionais que passam de geração pra geração. Quando a organização não nasce dentro do cenário digital, a dificuldade é maior.

É que promover a transição pra uma nova tecnologia é uma tarefa complexa. Ou seja, inclui análise de desempenho, autocrítica, substituição de equipamentos de trabalho, gerenciamento de uma quantidade enorme de informações, treinamento de equipes etc.

Embora algumas mudanças mais sutis possam ser feitas internamente, sem envolver o departamento de TI de uma empresa, sem dúvidas, dar o salto e acabar com sistemas obsoletos dá um retorno significativo.

6 principais desafios enfrentados pelas empresas na era digital

Conheça os obstáculos e prepare-se pra superá-los!

1. Entender a necessidade de mudar

Um estudo divulgado pela Altimeter cita a cultura da empresa como um dos principais desafios na jornada da transformação digital. Não apenas os funcionários, mas gestores também resistem à mudança de hábitos. Medo, ceticismo e até sabotagem são obstáculos que precisam ser superados.

2. Manter o foco no objetivo real

O digital não deve ser visto como uma novidade. Ele tem que servir pra impactar o modelo de negócio e inovar tanto na forma de administrar quanto no atendimento ao cliente e na oferta do produto ou serviço. Pra isso, é preciso rever os processos dentro do novo formato.

3. Satisfazer as necessidades do cliente

Hoje, o consumidor usa o aparelho celular na maioria das atividades diárias: pesquisar, fazer compras, acessar as redes sociais etc. Ficou muito mais fácil e rápido conseguir o que deseja. Diante disso, ninguém quer perder tempo na fila ou esperar uma resposta por longos dias. As empresas precisam enxergar isso como uma oportunidade!

4. Gerenciar um volume grande de informações

É importante estar atento ao comportamento do consumidor pra personalizar as campanhas e converter mais leads em clientes. Mas como fazer isso?

Big data é uma tecnologia que oferece novas formas de aprender mais sobre o público-alvo. Assim, você pode coletar informações sobre as preferências do consumidor, suas últimas compras etc.

5. Mensurar os resultados

Cerca de 53% das empresas modernas estão insatisfeitas com suas habilidades de análise. Isso pode parecer absurdo, mas faz sentido. Há mais dados pra coletar, e não medir os indicadores certos pode ser perigoso. A solução para o problema é implementar tecnologias de IA pra melhorar os esforços de coleta e personalização de dados.

6. Investir em pessoas

Negócios que precisam renovar a infraestrutura exigem um investimento maior. Em especial porque não é apenas uma questão de substituir máquinas, mas de encontrar e manter pessoas capazes de transformar a empresa digitalmente. O gerenciamento de talentos é fundamental pra requalificar, cultivar e reter a força de trabalho.

Como vencer os principais desafios da era digital

Toda mudança faz um pouquinho de bagunça, né? Pra minimizar o barulho, as organizações devem identificar maneiras de promover internamente os benefícios da mudança, definir expectativas claras e fornecer acesso a treinamento contínuo, inclusive com opções de autoatendimento.

Um bom passo pra começar é ter mapas da jornada do cliente e coleta de dados de usuários ou compradores por meio de observação, pesquisa e entrevistas. Se você tiver as informações certas nas mãos, vai ganhar um enorme diferencial competitivo.

No entanto, nenhum projeto pode ser colocado em prática até que as metas de TI estejam perfeitamente alinhadas com as de negócio. Também é preciso entender que não é mais uma questão de usar ou não as tecnologias, mas como, quando e com que rapidez fazer isso em grande escala.

Afinal, a transformação digital afeta todas as áreas da empresa. Isso exige que as equipes coordenem e colaborem como nunca. Pra liderar com sucesso, lembre-se de que a colaboração é fundamental pra descobrir novas maneiras de pensar e trabalhar. Então, incentive a participação coletiva, a criatividade e a proatividade dos colaboradores para a conquista da cultura digital.

É provável que você enfrente restrições no orçamento que podem limitar a estratégia. Esteja ciente e preparado. Embora muitas mudanças exijam investimentos novos, saiba que não se trata de uma corrida do tipo Velozes e Furiosos.

Ao desenvolver um plano, use o orçamento como uma verificação de realidade pra ver até quanto a sua empresa pode ousar. Crie ações que envolvam várias fases ao longo dos anos, se for necessário. Não coloque sua organização em risco com questões orçamentárias.

Como você viu, as empresas precisam mudar a forma como desenvolvem, vendem e distribuem seus produtos ou serviços pra corresponder às expectativas do consumidor. É fato que os desafios da era digital são muitos. Ao mesmo tempo, é natural que as mudanças mais relevantes deem trabalho.

No final, o resultado é animador: a produção dos colaboradores é otimizada, o cliente fica satisfeito, a sua empresa ganha visibilidade e os lucros vão lá pra cima. Ou seja: vale muito a pena mexer uma coisa aqui, derrubar outra ali e fazer substituições. É bem parecido com reforma de casa: atrapalha um pouco no começo, mas depois é só felicidade.

Se gostou de saber mais sobre os desafios que toda organização tem que superar pra se manter competitiva no mercado, compartilhe este artigo nas redes sociais! Assim, você vai ajudar outros empreendedores a perderem o medo de inovar.

  • Receba nosso conteúdo em primeira mão.